Social Icons

sexta-feira, 2 de maio de 2014

Falconer - Discografia

Acredito que a maioria dos fãs de Metal, iniciaram a sua paixão pelos estilos mais acessíveis, como Hard Rock e Power Metal. No meu caso, quando o assunto é o Metal Melódico, um dos primeiros conjuntos que me chamou a atenção foi o Falconer.
A banda originária da Suécia, foi criada em 1999 pelo guitarrista Stefan Weinerhall, que foi membro de uma banda de Black Metal chamada Mithotyn. Seguindo uma linha diferente de sua ex-banda, chamou para os vocais Mathias Blad, que canta de uma forma clara, limpa e com uma certa suavidade e para as baquetas Karsten Larsson, também ex-Mithotyn.
Em estúdio, Stefan assumiu também as funções de baixista. Com esse trio, gravam uma demo de quatro faixas em 2000 e em 2001, contratados pela Metal Blade, lançaram o primeiro álbum, homônimo.
Lembro do Falconer nessa época pois me chamou a atenção pelo estilo e pela belíssima arte da capa.
Quando se começa a ouvir o disco, a primeira impressão é de que o Falconer não é um conjunto de Power Metal qualquer, o que pode ser credenciado à origem de seus músicos.
A voz de Mathias é bem diferente de outras bandas do estilo, dando um ar quase teatral às composições, além disso, a guitarra tem um destaque maior que o teclado.
Por fim, é possível ver que o Falconer bebe na fonte do Blind Guardian, não só pela forma de executar as faixas, mas pelos temas abordados, pois o conjunto trabalha composições que remetem à idade média.
Em 2002, vem o segundo álbum: Chapters From A Vale Forlorn, que seguiu a mesma linha do trabalho anterior, porém mostrando um conjunto mais afiado, principalmente na execução dos riffs, que tem uma pegada de Metal mais tradicional, o que casou muito bem como a idéia central, de continuar explorando sons ligados com a idade média.
A interpretação de Mathias é um caso a parte, ilustrando com a maestria todas as composições, sendo que mesmo quando a cara sobe o timbre, consegue alcançar as notas com facilidade, mostrando todo o seu domínio sobre a voz.
Nesse momento, já mais conhecido, o Falconer começou a dividir opiniões, aqueles fãs de Power Metal com vocal mais agudo e tecladeira comendo solta achavam a banda muito morna, enquanto outros elogiam veementemente as qualidades do conjunto.
Após o lançamento de Chapters From A Vale Forlorn, a banda passou por uma grande mudança, que começou a saída de seu vocalista, que deu lugar para Kristoffer Göbel, em seguida veio o baixista Peder Johansson e o guitarrista Anders Johansson, o que fez com o Falconer passasse a ser um quinteto.
Dando continuidade na carreira, lançaram The Sceptre Of Deception, em 2003. Nesse álbum, o Falconer buscou um som mais direto se afastando um pouco das influências Folk, o que agradou alguns e desagradou outros.
O disco é ótimo, em especial a faixa Under The Sword, mas apesar dos esforços de Kristoffer, Mathias fez bastante falta.
Na sequencia, novas mudanças ocorreram com a entrada do baixista Magnus Linhardt e do guitarrista Jimmy Hedlund, que veio para o posto de Anders Johansson.
Em 2005 vem o álbum Gimme Vs.Grandeur, que de cara dava a entender que as influências Folk estavam presentes. Mas não foi bem o que aconteceu. Ainda que estejam em algumas partes, a sonoridade estava diferente dos dois primeiros discos e nesse momento foi possível perceber o quanto Mathias fazia falta.
O Falconer acabou percebendo que seu som mudava muito sem o vocalista original e foram novamente atrás do cara, sendo que ainda em 2005, aconteceu o seu retorno.
Em 2006 veio o álbum Northwind e com ele o retorno do conjunto à sua sonoridade original, buscando um som mais elementos de Folk aliado à interpretação teatral de seu vocalista. Ainda que não seja o melhor álbum do Falconer, Northwind colocou o conjunto no rumo certo e demonstrava que o futuro poderia ser grandioso.
Com o retorno de Mathias, a formação do Falconer se estabilizou e estaria presente até os dias atuais.
A medida que a carreira dos caras ia avançando, ficava cada vez mais injusto o rótulo de Power Metal. Em razão das fotos influências do Folk, estava claro que o conjunto havia criado algo novo, ainda que se tenha nomes como o Blind Guardian como referência.
Among Beggars And Thieves, de 2008 e Armod de 2011, seguiram a mesma linha de Northwind e trouxeram ótimos resultados para o Falconer, que buscava se tornar ainda mais conhecido.
Atualmente, o conjunto prepara o lançamento de seu próximo álbum, previsto ainda para o primeiro semestre de 2014.
Ainda que alguns reclamem da falta de peso do conjunto, é interessante entender que a sonoridade e a abordagem do Falconer é diferente de outras bandas do estilo. Hoje essa é uma banda que eu não escuto tanto, mas seus trabalhos são bastante relevantes, ainda mais quando se tem o cuidado de entender a ideia dos caras.


 Falconer (2001)

01 - Upon The Grave Of Guilt
02 - Heresy In Disguise
03 - Wings Of Serenity
04 - A Quest For The Crown
05 - Mindtraveller
06 - Entering Eternity
07 - Royal Galley
08 - Substitutional World
09 - Lord Of The Balcksmiths
10 - The Past Still Lives On
11 - 'Per Tyrssons Dottrar I Vange' (Bonus Track)

 Chapters From A Vale Forlorn (2002)

01 - Decadence Of Dignity
02 - Enter The Glade
03 - Lament Of A Minstrel
04 - For Life And Liberty
05 - We Sold Our Homesteads
06 - The Clarion Call
07 - Portals Of Light
08 - Stand In Veneration
09 - Busted To The Floor
10 - En Kungens Man (Japanese Bonus Track)

Download

 The Sceptre Of Deception (2003)

01 - The Coronation
02 - The Trail Of Flames
03 - Under The Sword
04 - Night Of Infamy
05 - Hooves Over Northland
06 - Pledge For Freedom
07 - Ravenhair
08 - The Sceptre Of Deception
09 - Hear Me Pray
10 - Child Of Innocence

Download

 Grime Vs. Grandeur (2005)

01 - Emotional Skies
02 - Purgatory Time
03 - I Refuse
04 - Humanity Overdose
05 - The Assailant
06 - Power
07 - No Tears For The Stranger
08 - The Return
09 - Jack The Knife
10 - Child Of The Wild

Download

 Northwind (2006)

01 - Northwind
02 - Waltz With The Dead
03 - Spirit Of The Hawk
04 - Legend And The Lore
05 - Catch The Shadows
06 - Tower Of The Queen
07 - Long Gone By
08 - Perjury And Sanctity
09 - Fairyland Fanfare
10 - Himmel Sa Trind
11 - Blinded
12 - Delusion
13 - Home Of The Knave
14 - Black Tarn
15 - Kristallen Den Fina (Bonus Track)
16 - Ridom, Ridom (Bonus Track)
17 - Liten Vätte (Bonus Track)
18 - Vervindar Friska (Bonus Track)

Download

 Among Beggars And Thieves (2008)

01 - Field Of Sorrow
02 - Man Of The Hour
03 - A Beggar Hero
04 - Vargaskall
05 - Carnival Of Disgust
06 - Mountain Men
07 - Viddernas Man
08 - Pale Light Of Silver Moon
09 - Boiling Led
10 - Dark Ages
11 - Skula, Skorpa, Skalk
12 - Dreams And Pyres (Bonus Track)
13 - Vi Saelde Vaera Hemman (Bonus Track)

Download

 Armod (2011)

01 - Svarta Ankan
02 - Dimmornas Drottning
03 - Griftefrid
04 - O, Tysta Ensamhet
05 - Rosornas Grav
06 - Grimborg
07 - Herr Peder Och Hans Syster
08 - Eklundapolskan
09 - Grimasch Om Morgonen
10 - Fru Silfver
11 - Gammal Fabodpsalm
12 - Black Widow (Bonus Track)
13 - Grimborg (Bonus Track)
14 - By The Rose's Grave (Bonus Track)
15 - O, Silent Solitude (Bonus Track)

Download

 Black Moon Rising (2014)

01 - Locust Swarm
02 - Halls and Chambers
03 - Black Moon Rising
04 - Scoundrel and The Squire
05 - Wasteland
06 - In Ruins
07 - At The Jester's Ball
08 - There's A Crow On The Barrow
09 - Dawning of A Sombre Age
10 - Age of Runes
11 - The Priory

Download


Nenhum comentário:

Postar um comentário